Cuidados com a Pele Durante a Pandemia

Com o advento da pandemia do COVID-19, houve a necessidade da lavagem frequente das mãos com água e sabão e uso do álcool gel, o que contribui para o aumento das dermatites e surgimento de micoses. Isso ocorre, pois com as lavagens frequentes, retiramos parte da barreira cutânea, o que favorece o ressecamento da pele e o aparecimento de feridas.

As micoses surgem devido ao aumento da umidade, principalmente entre os dedos. Para tentar amenizar esses problemas, devemos lavar as mãos com sabonetes hidratantes e logo após cada lavagem, secar as mãos e aplicar loções hidratantes, evitar uso de água muito quente, que também não é benéfica para a pele.

O uso das máscaras faciais constantemente, também favorece o aparecimento de acne e lesões por fricção. Portanto, é recomendado usar sabonete para rosto, específico para cada tipo de pele, creme hidratante, protetor solar, evitar usar maquiagem debaixo da máscara e, caso use máscara mais apertada ou por longo período, colocar fitas de silicone para evitar o atrito com a pele.

Deve-se dar atenção para uma boa alimentação, a base de vegetais, legumes e frutas, além de beber água e sucos, que contribuem para uma pele saudável. Mesmo estando mais tempo em casa, devemos lavar os cabelos com boa frequência, para evitar surgimento da dermatite seborreica (“caspa”) e consequente queda capilar. Bons hábitos como a prática de atividades físicas e exposição solar moderada, principalmente antes das 10hs ou após 16hs, contribuem para saúde mental e da pele.

Dra Mariana Ormay – Médica Dermatologista da Plataforma Conexa Saúde – Telemedicina EVIDA – CRM: 950530 – RJ – RQE Nº: 26336